DESTAQUES

SINDIREGIS integra campanha mundial de luta contra o câncer de mama

O Sindicato dos Registradores Públicos do Estado do Rio Grande do Sul (SINDIREGIS) integra novamente em 2019 a campanha mundial de luta contra o câncer de mama. Com o slogan “A prevenção pode mudar a sua vida”, o sindicato chama a atenção, no Outubro Rosa, para a importância do diagnóstico precoce da doença. Peças publicitárias estão sendo veiculadas nas redes sociais da entidade, que ganharam também a cor rosa de forma a despertar a atenção dos usuários.

Para a vice-presidente do SINDIREGIS, Silvana Hart Schneider, a ação é de grande importância para a sociedade, pois o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres e atinge milhares de pessoas todos os anos. “Os cartórios apoiam a campanha e trabalham para chamar a atenção de todos para o combate à doença. Esse é um tema que não está ligado ao nosso trabalho, mas que diz respeito a todos nós. Precisamos dar a devida importância a ele”, pontua.

O câncer de mama

O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve na mama como consequência de alterações genéticas em algum conjunto de células da mama. Esse é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo, sendo 1,38 milhões de novos casos e 458 mil mortes pela doença por ano, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS)

Um nódulo ou outro sintoma suspeito nas mamas deve ser investigado para confirmar se é ou não câncer. Para a investigação, além do exame clínico das mamas, exames de imagem podem ser recomendados, como mamografia, ultrassonografia ou ressonância magnética.

A confirmação diagnóstica só é feita, porém, por meio da biópsia, técnica que consiste na retirada de um fragmento do nódulo ou da lesão suspeita por meio de punções (extração por agulha) ou de uma pequena cirurgia. O material retirado é analisado pelo patologista para a definição do diagnóstico.

A detecção precoce é uma forma de prevenção secundária e visa a identificar o câncer de mama em estágios iniciais. Existem duas estratégias de detecção precoce: o diagnóstico precoce e o rastreamento. O objetivo do diagnóstico precoce é identificar pessoas com sinais e sintomas iniciais da doença, primando pela qualidade e pela garantia da assistência em todas as etapas da linha de cuidado da doença.

Fonte: Assessoria de Comunicação do SINDIREGIS

FacebookTwitterGoogle+Pinterest