DESTAQUES

SINDIREGIS empossa nova diretoria e comemora seus 30 anos de história

O Sindicato dos Registradores Públicos do Estado do Rio Grande do Sul, SINDIREGIS, empossou a nova diretoria na última quinta-feira, 5 de maio, comemorando na mesma ocasião seus 30 anos de história, que serão completados no próximo dia 8 de junho. Para celebrar esta data especial, o sindicato promoveu um jantar na Sociedade Germânia, em Porto Alegre, para associados e autoridades.

Na ocasião, foi empossada a nova diretoria do sindicato, que tem agora como nova presidente da entidade a Dra. Vânia Maria de Bernardes, titular do Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais – 1ª Zona de Canoas, a primeira mulher a ocupar o cargo na entidade.

Estiveram presentes no evento, além de membros da Diretoria do SINDIREGIS, de representes das entidades notariais e registrais e das assessorias do SINDIREGIS, o Corregedor-geral de Justiça, Desembargador Giovanni Conti, representando a Presidente do Tribunal de Justiça do Estado, Desembargadora Iris Helena Medeiros Nogueira; o Defensor Público-geral do Estado, Dr. Antônio Flávio de Oliveira; o Corregedor-geral da Defensoria Pública; Dr. Cristiano Vieira Heerdt, a Diretora do Foro Central de Porto Alegre, Dra. Alessandra Abraão Bertoluci; o Desembargador Francesco Conti; o Desembargador Mario Crespo Brum; o Diretor-Geral do DETRAN/RS, Sr. Marcelo Soletti; o ex-diretor-geral do DETRAN/RS, Sr. Enio Bacci; e o  representante do deputado Elizandro Sabino, Sr. Rogênio Cavalar.


Dr. Calixto Wenzel, titular do Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais – 1ª Zona de Porto Alegre, que esteve ao todo 6 gestões à frente do sindicato, despediu-se da presidência mas seguirá sendo parte da próxima gestão, como Diretor de Planejamento Estratégico.

Em seu discurso de posse, Dra. Vânia, ressaltou os feitos mais significativos da história do SINDIREGIS, “quando fomos surpreendidos pelas gratuidades, instituídas aos registros por nós lavrados, buscamos o apoio de parceiros para encontrarmos soluções”, afirmou.

As soluções não foram positivas somente para os registradores, mas também refletiram em benefícios para toda a sociedade gaúcha.

Os Centros de Registros de Veículos Automotores – CRVAs, são um exemplo disso. Em 1998, com a parceria dos Poderes Públicos do Estado, os  CRVAS tiveram sua administração repassada aos registradores civis do Rio Grande do Sul, trazendo a excelência dos serviços prestados pelos cartórios gaúchos para os Centros, liberando a polícia civil para focar 100% nos serviços de segurança pública.

Outro marco na história do SINDIREGIS foi a instalação da Central de Registro Civil do Rio Grande do Sul – CRCRS. Construída em conjunto com o Tribunal de Justiça do Estado, desde 2013 a Central unifica os acervos dos registros civis, aproximando os cartórios dos cidadãos. Com a criação da Central, tornou-se possível solicitar uma certidão do registro civil no cartório mais próximo ou até mesmo pela internet, evitando grandes deslocamentos.

A nova gestão promete honrar a confiança dos associados, desenvolvendo o sindicato, buscando a união e o fortalecimento da categoria.

A celebração foi um momento agradável de confraternização e uma importante reafirmação da força do SINDIREGIS.

Fotos: acervo SINDIREGIS

 

 

 

 

 

FacebookTwitterGoogle+Pinterest